terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Quebra-Cabeça


Pois bem, chegou à hora de mais uma, sim, mais uma retrospectiva, isso significa que mais um ano se passou, e como não poderia ser diferente, vou lhes contar um pouquinho do Tudo que aconteceu comigo.

Quando fecho meus olhos, uma voz calma e pura me pergunta: 2008 poderia ter sido melhor? Sinceramente acredito que não, por ser convicto que nada acontece por acaso, tenho certeza de que tudo aconteceu na medida certa, o que por ventura não se realizou este ano, é certo de que acontecerá nos próximos, isso é claro, se for para acontecer. Digo isso por saber que fiz tudo que esteve ao meu alcance, corri atrás dos meus sonhos, lutei pelos meus objetivos. Confesso que em certos momentos fraquejei, pensei em desistir, mas como um bom sonhador e com ajuda de pessoas tão especiais continuei em frente.

Dias destes me peguei rindo sozinho, eu estava pensando em como tudo foi tão perfeito, em como tudo se encaixou, fiquei impressionado ao perceber que todos que fizeram parte da minha trajetória neste ano possuíam um sentido especial, alguns vieram para me confortar, outros para me incentivar, tiveram aqueles que vieram para me ensinar e também os que vieram para aprender. Isso tudo, de certa forma me tranqüilizou, senti que estava no caminho certo. Percebi que foi como um Quebra-Cabeça Mágico, cada dia que passava, cada segundo, surgia uma nova peça, às vezes não sabia onde encaixa-la, mas com o tempo pude descobrir onde era o lugar dela e tamanha importância que ela tinha naquele jogo tão divertido.

APRENDIZADO, acho que essa palavra se encaixa perfeitamente neste ano, afinal de contas, montei um Quebra-cabeça de 365 peças... pequeno? Não infinito em sua singularidade. Se pudesse me ver quando terminei de montar tal jogo, viria meus olhos sorrindo alegria e meu sorriso brilhando tamanha felicidade, felicidade essa que não cabe no peito, que escapa pelo ar e que volta pelo vento.

Resta-me então orgulhar-me pelo feito realizado e agradecer pela ajuda que tive de todos vocês, a começar por Deus pela energia e fé, Família pela compreensão e conforto, Amigos pelo companheirismo e lealdade, Trabalho pelo crescimento e desenvolvimento, e como não poderia deixar de fora... Obrigado aos Amores pelo prazer da vida!

A todos um Feliz 2009 e desejo que todos possam montar seus próprios jogos em 2009! SUCESSO, PAZ, ESPERANÇA, FÉ, AMOR, DINHEIRO, SAÚDE e acima de tudo... SABEDORIA E PACIENCIA!

São Paulo, 23 de dezembro de 2008.
Marco Salera Castro

Um comentário:

hercules disse...

excelente esse texto,falou tudo!